.

Quarta, 12 Dez 2018

A distribuição de benefícios da Previdência Social envolve o necessário financiamento (custeio) gerando por consequência questões relacionadas à arrecadação e, em alguns casos, a sonegação de contribuições sociais.

Nossa atuação visa orientar a escolha do benefício mais vantajoso (revisando-o se foi mal escolhido no passado), efetuando os cálculos necessários para este fim, evitando que uma vida inteira de trabalho seja prejudicada por uma aposentadoria que não corresponda aos interesses do cliente.

A empresa é obrigada a contribuir para o financiamento da Seguridade Social que financia a previdência social, a saúde e a assistência social. Nossa atuação se dá diretamente na raiz do problema com a arrecadação, utilizando ferramentas judiciais para questionar os tributos que não devem ser pagos; impugnar a cobrança dos indevidos e restituir ou compensar os que foram pagos indevidamente.